Trabalhos premiados no 51º Encontro

Confira a lista dos trabalhos premiados no 51º Encontro do GRUPO:

 

FÓRUM CIENTÍFICO DE ORTODONTIA

Prêmio Prof. Dr. Carlos Alberto Mundstock

 

 colocado:  FCO-08- Prevalência de maloclusões em bebês com microcefalia associada ao vírus Zika.

Pinto ETF*, Amaral BA, Caldas SGFR, Azevedo DA, Gonzaga AS, Paies MB, Araújo ME.

Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN)

 

 colocado:  FCO-02- Cronotipo, distúrbios do sono e funcionamento familiar exercem influência na má oclusão em escolares de 8 a 10 anos.

Granja GL*, Lima LCM, Leal TR, Bernardino VMM, Silva SE, Neves ÉTB, Arruda MJALLA, Ferreira FM, Granville-Garcia AF.

Universidade Estadual da Paraíba (UEPB)

 

 colocado: FCO-06- Efeitos da expansão rápida da maxila diferencial e em leque no design da abertura da sutura palatina mediana.

Massaro C*, Janson G, Lauris JRP, Garcia LC, Vieira LS, Garib G.

Faculdade de Odontologia de Bauru (FOB-USP)

 

FÓRUM CIENTÍFICO DE ODONTOPEDIATRIA

Prêmio Prof. Dr. Orlando Ayrton de Toledo

 

1º colocado: FCP-02– Efetividade de um programa educativo e preventivo de saúde bucal na incidência e severidade de mucosite oral em pacientes oncopediátricos.
Bezerra PMM*, Sampaio MEA, Ribeiro ILA, Santiago BM, Sousa SA, Valença AMG. 

Universidade Federal da Paraíba (UFPB)

 colocado: FCP-07– Prematuridade e internação em UTI neonatal como fatores contribuintes para má oclusão: resultados de uma coorte retrospectiva
Lopes-Silva BC*, Helena-Barroso H, Souto-Souza D, Oliveira-Tolomeu JS, Ramos-Jorge J, Ramos-Jorge ML.

Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri (UFVJM)

 

 colocado: FCP-10– Instrumentação reciprocante no tratamento endodôntico de molares decíduos- Sucesso após 18 meses.
Marques RPS, Oliveira NM, Barbosa VR, Bresolin CR, Novaes TF, Mendes FM.
Faculdade de Odontologia da Universidade de São Paulo (FOUSP)

 

 

PÔSTERES DE ORTODONTIA

Prêmio Prof. Dr. Manoel Carlos Müller de Araújo

 

 colocado: A presença de maloclusão influencia na percepção dos pacientes quanto à competência profissional do cirurgião-dentista?

Santos MSC*, Santos-Lacerda R, Paranhos LR, Andrade ACDV, Tanaka OM, Maia LC,  Pithon MM.

Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB)

 

 colocado: Insucesso na abertura da sutura palatina mediana durante a expansão rápida da maxila em criança: investigação morfológica tridimensional e achados atípicos.

Ferrari-Piloni C*, Barros LAN, Evangelista K, Valladares-Neto J.

Universidade Federal de Goiás (UFG)

 

 colocado: Interdisciplinaridade Orto-Cirurgia-Perio-Próteses: somando esforços em um caso de alta complexidade.

Freitas LRP*, Oliveira MELD, Oliveira PM, Brito AA, Oliveira DD.

Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-MG)

 

 

PÔSTERES DE ODONTOPEDIATRIA

Prêmio Prof. Dr. Luiz Reynaldo de Figueiredo Walter

 

 colocado: PP-048 – Associação entre distúrbios do sono e relato de ranger de dentes em crianças e adolescentes durante o distanciamento social devido à pandemia da COVID-19.

Moreira-Santos LF*, Baptista AS, Prado IM, Perazzo MF, Pinho TM, Paiva SM, Serra-Negra JM, Pordeus IA.

Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)

 

 colocado: PP-130 – Associação entre polimorfismos genéticos de VDR, IL1-β, e PTH e fluorose dentária em dentes permanentes.

Reis CLB*, Barbosa MCF, de Lima DC, Segato RAB, Küchler EC, Oliveira DSB.

Universidade Federal de Alfenas

 

 colocado: PP-125 – Efeito de verniz fluoretado suplementado com trimetafosfato de sódio micropartículado sobre a progressão de lesões de cárie em dentes decíduos: estudo clínico randomizado.

Martins TP*, Sakuma RH, Manarelli MM, Báez-Quintero LC, Monteiro DR, Honório HM, Cunha RF, Delbem ACB, Pessan JP.

Faculdade de Odontologia de Araçatuba (FOA – UNESP)

 

Menções honrosas: 

PP-170 – Sobrevida de Hall Technique em cavidades atípicas de molares decíduos – Ensaio clinico randomizado com 1 ano de acompanhamento.

Pascareli-Carlos AM*, Gonçalves MS, Gimenez T, Floriano I, Calvo AFB, Raggio DP, Imparato JCP, Tedesco TK.

Universidade Ibirapuera

 

PP-179 – Tratamento odontológico sob sedação melhora a qualidade de vida relacionada à saúde bucal das crianças não colaboradoras e das suas famílias.

Corrêa-Faria P, Costa LR.

 

Universidade Federal de Goiás (UFG)

 


 

Os certificados serão enviados via e-mail aos apresentadores.